Alunos que revitalizaram praça durante curso, se formaram no sábado

02/06/2014 15:51

Evento foi promovido pela prefeitura (Foto: Reinaldo Diniz)

Os alunos do curso da Jornada de Jardinagem, promovido pela prefeitura, por meio da SEMTRE (Secretaria Municipal de Trabalho e Renda) se formaram no último sábado (31). Durante os dias 10 e 17 de maio o Grupo de Estudos de Paisagismos da Esalq (Escola Superior Luís de Queiróz), ministrou o curso. Sendo esses dois dias, aulas teóricas e o último dia 24, a aula praticam, o qual consistia em revitalizar a praça Sírio Libanesa.  Durante o curso os alunos receberam lanches oferecidos pelo Senai, vales-transportes e vales-refeições.

De acordo com o secretário Sérgio Fortuoso, a inciativa do curso vem de encontro com as demandas de necessidades. “Pessoas que têm habilidades, pessoas que têm vocação na área. Mas entende que alguma coisa não está valorizada ou não encontram a qualificação adequada”, ressaltaFortuoso.

O secretário disse também que o curso priorizou pessoas que não estão no mercado formal de trabalho e que queiram uma nova oportunidade. “A prioridade é atender essas pessoas. Em tendo vagas remanescentes, abrimos as pessoas da comunidade que têm uma condição social mais tranquila, mas que queiram uma oportunidade para ingressar na área”.

Durante as aulas teóricas uns dos itens abordados foram, segundo Lucas Maniero Rodrigues, 19, graduando em Engenharia Agrônoma na Esalq/USP (Universidade de São Paulo) e ministrante do curso, como corrigir uma PhP do solo e como manejar um vaso.

Para a cabeleireira, Fátima Castilho, 49, o curso foi muito bom, já que possui muitas plantas em árvores em sua casa. “Aprende muita coisa para trabalhar para a gente em casa, no jardim”, disse.

No sábado (31), às 09 horas, o SEBRAE ministrou  na sede de SEMTRE, uma palestra sobre o Microempreendedor Individual e os alunos concluintes receberão um certificado pela Esalq e um kit de jardinagem, oferecido pelo SEMAE (Secretaria Municipal de Água e Esgoto), por meio do projeto socioambiental “Guardiões da Água”, criado em 2012.

 

                                                                                                                

Aproximadamente 25 alunos concluíram o curso (Foto: Reinaldo Diniz)

Reportagem: Reinaldo Diniz